Melhorar a Performance da DragonBoard 410c utilizando um cartão micro SD

//Melhorar a Performance da DragonBoard 410c utilizando um cartão micro SD
Melhorar a Performance da DragonBoard 410c utilizando um cartão micro SD 2017-05-24T12:27:26-03:00

Home Fóruns Inventando o Futuro com DragonBoard 410C Melhorar a Performance da DragonBoard 410c utilizando um cartão micro SD

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 18 do total)
  • Autor
    Posts
  • Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Pessoal, deixarei aqui uma dica que considero importante para quem adotar o SO Linux Linaro Debian na DragonBoard 410c (DB410c).

    OBJETIVO : Melhorar “muito” a performance da DragonBoard 410c, com um simples “truque”.

    (1) Comprem um cartão micro SD de 16GB ou 32GB råpido (tipo um “Sandisk Ultra”).

    (2) Estudem os seguintes links :
    (2.1) http://www.96boards.org/blog/how-to-develop-on-your-96boards/
    (2.2) http://www.debiantutorials.com/add-a-second-hard-disk/

    Qual é a idéia? : formatar o cartão micro SD utilizando 3/4 de seu tamanho para “armazenamento” e 1/4 de seu tamanho para “swap”.

    Por exemplo, no meu caso, em um cartão micro SD de 32GB, criei uma partição “/dev/mmcblk1p1” com 24GB (tipo Linux) e uma outra “/dev/mmcblk1p2” com 8GB (tipo Swap Linux).

    Atenção !!! : Não toquem na partição “/dev/mmcblk0” e nem em suas sub-partições (qualquer uma com nome começando por “/dev/mmcblk0”), sob risco de “tijolar” a DB410c. Tomem muito cuidado, pois os comandos necessários rodam como super-usuário (sudo).

    (3) Qual a vantagem de fazer isso?

    (3.1) Em meu caso, o DragonBoard 410c passou a executar os aplicativos básicos de maneira muito fluida e leve. Antes (sem o “swap), o processamento parecia um pouco carregado (por exemplo, executar um vídeo do YouTube transmitindo o áudio via Bluetooth a uma caixa de som ficou bem mais “leve” após a partição de “swap”. Aliás, esse foi o meu teste “Hello World” da DB410c.).

    (3.2) Com mais área de armazenamento e área de swap, consegui compilar o IDE Qt 5.8.0 open-source diretamente na DragonBoard 410c. O processo demorou muitas horas (durante a madrugada), mas concluiu com sucesso. O IDE Qt 5 é muito interessante para que quiser criar GUI touchscreen na DB410c. Em geral, qualquer pacote de software mais pesado poderá ser compilado diretamente na DB410c caso haja partição de “swap” habilitada.

    (3.3) Abrir várias janelas de terminal Linux fica muito mais rápido. Enfim, a DB410c passou a se sentir “gente grande” após este pequeno truque.

    O truque não foi obvio para mim, inicialmente. Talvez alguns de vocês já saibam que “swap” é muito importante nestas SBC que rodam Linux. Mas, é relativamente simples implementá-lo. Basta fazê-lo com cuidado.

    Os dois links acima (2.1 e 2.2) foram minhas referências para aprender e implementar o “truque”.

    Boa sorte a todos. Se já gostaram da DB410c sem “swap”, precisam conhecê-la com o “swap” habilitado.

    Bruno EvangelistaBruno Evangelista
    Mestre
    Número de postagens: 77

    Cezar,

    uauuuuu !!!!
    Parabéns pela iniciativa. Consegue fazer um instructables disso para gente?

    Obrigado,
    Bruno

    Frederico Martins Pedroso JuniorFrederico Pedroso
    Mestre
    Número de postagens: 11

    Oi Cezar,
    Show de bola!

    Realmente usar SWAP melhora bastante o desempenho.
    Parabéns pela descoberta e publicação da solução.

    Abraços.,
    Frederico Pedroso

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Bruno e Frederico, obrigado pelo feedback.
    Consigo, sim. Publicarei os detalhes no instructables.
    Abraços.
    Cezar.

    salgadosalgado
    Participante
    Número de postagens: 22

    Legal Cezar,

    Você sabe se este procedimento também funciona para o linux Ubuntu na Dragonboard?

    Abs
    Alex

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Alex, sim.
    Acredito que o procedimento funcione no Ubuntu (acho funcionará para qualquer distribuição Linux). Apenas siga atentamente aos passos descritos no link acima (2.1) para se certificar do nome do device associado ao cartão micro SD (no meu caso, foi: “/dev/mmcblk1”).

    Um abraço.

    Cezar.

    Frederico Martins Pedroso JuniorFrederico Pedroso
    Mestre
    Número de postagens: 11

    Oi Salgado, bom dia.

    O Ubuntu é baseado em Debian, então tem uma grande chance de ser o mesmo procedimento e nomeação dos dispositivos no sistema (Por ex: /dev/mmcblkxx) 🙂

    Abraços.,
    Frederico Pedroso

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Pessoal, para adiantar, eu disponibilizei em nossa página de projeto um PDF descrevendo detalhadamente o procedimento de configuração do SWAP da DragonBoard 410C (com SO Linux). Há dicas interessantes lá.

    Para a versão “instructables”, precisarei de um pouquinho mais de tempo para traduzir e reformatar o documento.

    Bons projetos a todos!

    Heitor Rapelaheitorrapela
    Participante
    Número de postagens: 15

    Muito legal 🙂 Parabéns pela iniciativa, a documentação também ficou bem bacana. Show de bola!

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Heitor, obrigado pelo feedback.
    Um abraço.
    Cezar

    Heitor Rapelaheitorrapela
    Participante
    Número de postagens: 15

    Olá, tem como fazer este procedimento para a memória interna da db410c já flashada? 😛 Abraços.

    Frederico Martins Pedroso JuniorFrederico Pedroso
    Mestre
    Número de postagens: 11

    Heitor, boa tarde.

    Tem como sim, seguem os passos:

    # Criando as partições
    sudo fallocate -l 1G /mnt/1GB.swap
    sudo dd if=/dev/zero of=/mnt/1GB.swap bs=1024 count=1048576
    sudo mkswap /mnt/1GB.swap
    sudo swapon /mnt/1GB.swap

    # Adicione a linha abaixo no /etc/fstab
    /mnt/1GB.swap none swap sw 0 0

    # Adicione a linha abaixo no /etc/sysctl.conf
    vm.swappiness=10

    # chmod no arquivo
    sudo chmod 600 /mnt/1GB.swap

    # Verificando se está funcionando
    sudo swapon -s

    Qualquer dúvida estou à disposição.

    Att.,
    Frederico Pedroso

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Olá, Heitor. Tem sim.

    (1) Execute os seguintes comandos :

    $ dd if=/dev/zero of=~/swapfile bs=1M count=512
    $ mkswap ~/swapfile
    $ swapon ~/swapfile

    Obs: lembre-se que isso consumirá memória flash da própria DB410C.

    Bons Projetos!

    Cezar.

    Heitor Rapelaheitorrapela
    Participante
    Número de postagens: 15

    Valeu Fred e Cezar.
    Como eu tinha visto o de Fred primeiro, fiz aqui e funcionou de boa.
    Obrigado pela atenção dos dois 😀

    Cezar Menezescezmen
    Participante
    Número de postagens: 24

    Gostei muito mais do procedimento do Frederico! 🙂
    A minha sugestão ficou incompleta (faltaram dois comandos para alterar os atributos do arquivo “swapfile”, e também rodar tudo como “sudo”). Segue errata abaixo:

    $ dd if=/dev/zero of=~/swapfile bs=1M count=512
    $ sudo chmod 600 ~/swapfile
    $ sudo chown root:root ~/swapfile
    $ sudo mkswap ~/swapfile
    $ sudo swapon ~/swapfile

Visualizando 15 posts - 1 até 15 (de 18 do total)
  • Você deve fazer login para responder a este tópico.