[email protected], monitorando a sua tranquilidade

[email protected], monitorando a sua tranquilidade

[email protected], monitorando a sua tranquilidade 2016-12-15T20:40:41+00:00

Descrição do Projeto

Detalhes do Projeto

Resumo do Projeto:

Monitoramento do estado dos queimadores de fogões residenciais com o objetivo de alarmar condições de risco visando a segurança principalmente de crianças e idosos

Compartilhe!

Participantes:

Luiz Eduardo Saraiva
Vasco Côrte-Real

12 Comments

  1. beatriz s. 12/10/2016 em 08:12

    Parabéns aos idealizadores do projeto! Quem nunca voltou pra casa só pra conferir se estava tudo ok com o fogão?! A ideia me parece muito boa e tenho certeza que traria tranquilidade para muita gente!!

    • Luiz Saraiva 22/10/2016 em 17:01

      Realmente, isso acontece com mais frequência do que imaginamos. Outro dia eu estava em uma reunião, quando uma senhora se levantou repentinamente e saiu correndo de volta para casa, pois havia esquecido um doce na panela no fogo ligado. Obrigado pelo incentivo.

  2. Cristina Terribas 21/10/2016 em 18:41

    Muito bem pensado esse projeto. Ele pode ajudar principalmente idosos que muitas vezes esquecem panelas no fogão ligado. Boa sorte aos idealizadores!

    • Luiz Saraiva 22/10/2016 em 16:58

      Esse projeto pode trazer tranquilidade principalmente para os filhos dos idosos que podem receber sinais de alarme caso exista algum comportamento irregular no fogão na casa de seus pais. Obrigado pelo apoio.

  3. Marianna Sintra 23/10/2016 em 13:48

    Gostei da idéia, já apoiei e estou torcendo pra que seja realizado!
    Eu sou uma dessas pessoas que vai se beneficiar bastante com esse dispositivo! Hoje moro com a minha vó e muitas vezes tenho esse tipo de preocupação. Com a realização desse projeto eu terei a tranquilidade na palma da mão! Gostei mesmo! Sucesso!

    • Luiz Saraiva 23/10/2016 em 22:19

      Marianna, hoje em dia, o monitoramento das atividades de pessoas idosas já é uma realidade graças a internet da coisas. Essa tecnologia nos permite saber sobre as atividades de uma pessoa, se caiu, como estão os batimentos cardíacos, avisar que é hora de tomar remédios e mesmo saber em que local estão, tudo conectado com o seu smartphone e praticamente em tempo real. Obrigado pelo apoio e incentivo.

  4. Deia Batista 23/10/2016 em 17:37

    Olá essa iniciativa e uma verdadeira demonstração de preocupação com um equipamento de uso diário mas muitas vezes causa de acidentes. Se o mesmo for colocado em alta escala de produções todos nós ganharemos

    • Luiz Saraiva 23/10/2016 em 22:05

      Olá Deia, realmente o objetivo desse equipamento é de prevenção de acidentes domésticos. O mercado potencial é de mais de 42 milhões de unidades e o seu custo deve cair a preços populares com a produção em alta escala. Obrigado pelo apoio.

  5. Marina Saraiva Rocha Silva 23/10/2016 em 21:52

    Muito interessante! Prático, criativo e acessível !! Gostei
    Espero que esse projeto seja realizado

    • Luiz Saraiva 23/10/2016 em 22:12

      Oi Marina, esse é um dos exemplos práticos do uso da internet das coisa (IoT). Cada vez teremos equipamentos conectados na rede nos auxiliando no dia a dia. Obrigado pelo apoio.

  6. Rodrigo Terribas Saraiva 23/10/2016 em 22:23

    Parabéns aos idealizadores do projeto!!
    É um ótimo projeto para a área de segurança na cozinha, pois ao esquecer uma boca de fogão aceso sem panela nenhuma e com a chama acessa, ou mesmo só a boca acessa sem nada… ou ligado, mas sem chama e com panela no fogo, é uma questão de perigo, pois em apartamentos, ao acender uma lâmpada só com o gás saindo… pode explodir uma lâmpada… isso é um casso muito sério… por isso acho a ideia muito boa!!!
    Parabéns!!!

    • Luiz Saraiva 23/10/2016 em 22:41

      Rodrigo, realmente o uso de gás em residências é muito mais perigoso do que a nossa percepção pois, estamos acostumados com os fogões e botijões de gás. Na Europa os fogões são elétricos com aquecimento por indução. O monitoramento dessas verdadeiras “bombas” é bastante interessante e o uso da internet das coisas permite que tenhamos a situação na palma da mão. Obrigado pelo apoio e incentivo.

Deixar Um Comentário